O Retorno

Desde o início deste projecto (remonta ao já longíquo ano de 2011) houve uma tremenda ambição deste vosso trio para que o Coprófago fosse um ponto de encontro das nossas necessidades artísticas – não tanto de criação, mas sobretudo de exploração – como havia escrito o nosso Paulo, no fantástico trecho disponível como descrição do blog. Não o termos mantido, prende-se não com a falta de interesse, mas sim com a nossa sempre presente curiosidade, de saltarmos, ora aqui, ora ali, nesta busca incessante pela satisfação cultural; e sempre que nos encontramos amiúde, paira o desejo de retornar ao coprófago.

Reuniram-se agora condições ideiais para que possamos devolver a este projecto a alma que sempre o caracterizou, uma vontade de fazer as coisas à nossa maneira, com uma personalidade muito vincada. Não temos mais nenhuma outra motivação além da descoberta, nem outros interesses que não a partilha da nossa opinião.

Escrever é uma arte, assim como escrever sobre a arte também o será. Consideramo-nos entusiastas da arte, curiosos por natureza; nunca estagnamos na satisfação de presenciar belas manifestações artísticas, e não aceitamos que essa necessidade seja um fardo – transformamo-la numa paixão e tentaremos transmiti-la a vós, o melhor que pudermos, nos próximos tempos.  É à luz desta perspectiva que damos o mote do nosso regresso.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s